• Acompanhe-nos
Prefeitura de Divinópolis mantém nomeações de concursados aprovados no certame do ano passado
  • Procurador do município diz que decisão de suspender o concurso pelo Tribunal de Justiça perdeu o objeto.
  • Do Sintram, em Divinópolis - MG
    23/05/2019 14h28 • Atualizado em 23/05/2019 14h34
  • Na semana em que o prefeito de Divinópolis, Galileu Machado (MDB), fez 216 nomeações de novos servidores públicos aprovados no concurso realizado no ano passado, o Tribunal de Justiça de Minas Gerais (TJMG) decidiu dar provimento a recurso interposto por alguns candidatos que não conseguiram a aprovação, determinando mais uma vez a suspensão do certame. Entretanto, de acordo com o procurador-geral do município, Wendel Santos, o concurso já está finalizado e não há como suspendê-lo. Ele entende que o agravo perdeu seu objeto, exatamente porque o concurso já foi realizado e homologado.

     

    Em entrevista coletiva concedida na tarde desta quarta-feira (22), o procurador tranquilizou os concursados nomeados. Segundo Wendel Santos, trata-se de um concurso com, aproximadamente, 30 mil inscritos e é natural que um ou outro ponto possa apresentar algum questionamento, mas nada para macular a realização do processo seletivo.

     

    Houve um pedido de liminar com o objetivo de suspender o concurso, que foi indeferido em primeira instância. O Ministério Público entrou, então, com um agravo de instrumento, com pedido de nova liminar, que também foi indeferida pelo Tribunal de Justiça. Assim, após aguardar, por cautela, o desfecho desses dois momentos, a prefeitura entendeu por bem homologar o concurso e iniciar as nomeações, principalmente para as áreas de saúde e educação”, esclareceu.

     

    De acordo com o procurador, o que houve agora foi um posicionamento em relação ao mérito do referido agravo de instrumento. “Não há mais o que suspender, o concurso não está mais em andamento, já foi homologado”, disse. Wendel Santos esclareceu que a prefeitura continua entendendo que todas as situações apontadas pelo MP e pelos candidatos, individualmente já foram sanadas. “Mas se existe ainda algum outro questionamento, estamos dispostos a esclarecer. Estamos tratando tudo com muita cautela e sabemos que o Ministério Público também atua dessa maneira. Desta forma, tranquilizamos a todos os candidatos já nomeados e aos que aguardam pela oportuna nomeação”, finalizou o procurador.

Nossos endereços
  • Sede
  • Av. Getúlio Vargas, 21, Centro, Divinópolis - MG
    CEP: 35.500-024
    Telefone: (37) 3216-8484
    Atendimento de 8h às 17h30
  • Subsede Bambuí
  • Rua Olívio Alves Ribeiro, 134, Centro, Bambuí - MG
    CEP: 38.900-000
    Telefone: (37)3431-3486
    Atendimento de 8h às 17h30
 
  • Subsede Bom Despacho
  • Rua Vigário Nicolau, 111, sala 106, Centro, Bom Despacho - MG
    CEP: 35.600-000
    Telefone: (37) 3521-3311 | 98831-0237
    Atendimento de 08h30 às 10h30 e de 12h às 18h
Filiada à
Desenvolvido por Fesempre