• Acompanhe-nos
É hora de união e luta: Assembleia da Campanha Salarial de Divinópolis está agendada para dia 21/03
  • Edital de convocação foi publicado hoje (13)
  • Do Sintram, em Divinópolis - MG
    13/03/2019 16h18 • Atualizado em 18/03/2019 16h18
  • No próximo dia 21/03 está agendada a Assembleia Geral Ordinária do Sintram para discutir e definir a pauta de reivindicações do funcionalismo municipal de Divinópolis referente ao ano de 2019, que será levada para a mesa de negociação com a administração municipal. O edital de convocação da assembleia foi publicado no dia 13/03 no jornal Agora. A assembleia será realizada na Rua Pará, nº270, Centro, ( Entre R. Pernambuco e Goiás, ao lado da Boate Hangar),  sendo a primeira chamada às 18h15 e a segunda às 18h30.

     

     

    A Campanha Salarial é o principal momento de união de uma categoria e neste ano é preciso que os servidores municipais de Divinópolis estejam mais do que nunca atentos e prontos a atender às convocações do Sintram, lembrando que a luta sindical é feita com a união de todos e não somente pela diretoria.

     

    O funcionalismo desde o ano passado vem sofrendo com a falta de gestão do governo Galileu, com atrasos e parcelamentos de salários. Até hoje, não foi pago o 13º salário, a previsão do pagamento era até final de março, porém ontem (12/03) a Prefeitura, em nota à imprensa*(confira box), afirmou que caso não seja aprovado o parcelamento dos R$ 9 milhões devidos de verbas patronais (ref. a novembro, dezembro e janeiro/2019) ao Diviprev não há uma previsão de quando será pago o 13º salário e o salário de março. Ou seja, está clara a pressão da administração para o parcelamento, no entanto, quando é preciso cortar gastos para o devido enxugamento da máquina pública nenhuma medida efetiva é feita para condizer com o atual decreto de calamidade financeira.

     

    Gatilho

     

    Neste ano, a revisão inflacionária prevista na lei do gatilho ficou em 4,59%. A Câmara Municipal já publicou a portaria que cumpre com essa obrigação com a aplicação imediata do índice IPCA (IPEAD/UFMG) no mês de março. Enquanto isso, a Prefeitura de Divinópolis não fez a mesma obrigação.

    Reivindicações

     

    A presidente Luciana Santos destacou que o momento exige de todos os servidores muita responsabilidade e união. “É preciso que cada servidor tenha consciência da responsabilidade de participar desta assembleia. A campanha salarial é o principal momento de atuação do sindicato, mas essa atuação depende do apoio e união do trabalhador. O cenário não é positivo, então será preciso luta para assegurarmos nossos direitos”, disse.

     

    Veja abaixo a nota da administração enviada à imprensa:

     

    Nota à imprensa Divinópolis, 12 de março de 2019 - A Administração Municipal lamenta que nem todos os conselheiros do Instituto de Previdência dos Servidores do Município de Divinópolis (Diviprev) tenham entendido a pontual necessidade de se aprovar o parcelamento dos encargos proposto pela Prefeitura. É preciso destacar que a medida se faz necessária dentro da programação financeira estabelecida pelo Governo Municipal de pagamento do 13º salário dos servidores da Prefeitura e do salário referente ao mês de março, a ser quitado em abril. Com a não aprovação, há uma inversão na prioridade de pagamentos e o município terá que pagar primeiramente R$ 9 milhões ao instituto de previdência, o que comprometerá a disponibilidade de recursos imediata para o que vinha sendo planejado. ´ É importante destacar que a Associação Mineira dos Municípios (AMM) vem sinalizando para a possibilidade de um acordo nos próximos dias com o Governo do Estado no sentido de garantir o pagamento do valor retido do mês de janeiro o mais rápido possível. No caso específico de Divinópolis são R$ 11 milhões, o que garantiria o cumprimento dos compromissos sem a necessidade de parcelamento. Destaca-se também o fato de que o parcelamento é uma política legal e aplicada por todas as administrações desde a implantação do Diviprev, sem nenhum prejuízo ao instituto. Assim, a Prefeitura reencaminhará ainda esta semana a proposta de parcelamento com a estipulação de novos prazos e acredita que, diante da realidade apresentada, contará com a sensibilidade de todos os conselheiros no sentido de garantir a quitação do salário dentro do prazo previsto e também do 13º salário, este atrasado desde de dezembro.

Nossos endereços
  • Sede
  • Av. Getúlio Vargas, 21, Centro, Divinópolis - MG
    CEP: 35.500-024
    Telefone: (37) 3216-8484
    Atendimento de 8h às 17h30
  • Subsede Bambuí
  • Rua Olívio Alves Ribeiro, 134, Centro, Bambuí - MG
    CEP: 38.900-000
    Telefone: (37)3431-3486
    Atendimento de 8h às 17h30
 
  • Subsede Bom Despacho
  • Rua Vigário Nicolau, 111, sala 106, Centro, Bom Despacho - MG
    CEP: 35.600-000
    Telefone: (37) 3521-3311 | 98831-0237
    Atendimento de 08h30 às 10h30 e de 12h às 18h
Filiada à
Desenvolvido por Fesempre