• Acompanhe-nos
Em assembleia do Sintram, servidores de Leandro Ferreira definem Campanha Salarial 2018
    Do Sintram, em Divinópolis - MG
    12/03/2018 12h40 • Atualizado em 12/03/2018 12h45
  • No último dia 08/03, os servidores de Leandro Ferreira definiram a pauta de reivindicações da Campanha Salarial 2018. De acordo com o dirigente sindical, Eduardo Parreira, que coordenou as discussões e votação das propostas, a assembleia foi bastante participativa e os servidores se demonstraram comprometidos com propostas realmente exeqüíveis da parte do poder Executivo e preocupados com o descumprimento de uma série de direitos.


    O Sintram, no dia seguinte a assembleia (09/03), já encaminhou a oprefeito a pauta de reivindicações da Campanha Salarial 2018 para dar andamento as negociações. São pontos de reivindicação dos servidores os seguintes itens: antecipação da data-base para aplicação do índice de recomposição salarial em janeiro; implementação do índice inflacionário pelo INPC medido pela Função IPEAD da UFMG, o que garantirá a revisão automática anualmente ao funcionalismo.


    O dirigente sindical disse ainda que o sindicato solicitará a regularização de uma série de direitos, que foram narrados pelos servidores e que estão sendo descumpridos pela administração, como: o pagamento da recomposição salarial do ano de 2017, que não foi concedida; a observância e cumprimento da progressão de carreira com pagamento dos valores devidos aos servidores e que não foram aplicados em 2017; suspensão da exigência de requerimento de próprio punho dos servidores protocolada no Setor de Pessoal da Administração Municipal para que se pague os direitos trabalhistas devidos aos servidores; assegurar o cumprimento do estatuto do servidor no que tangue aos direitos dos aposentados e que não foi observado em 2017, quando a administração não concedeu o índice de recomposição salarial.

     


    Também reivindicação da assembleia foi o fim do banco de horas, com o pagamento devido aos servidores das horas extras. “Inclusive eles nem podem gozar desse banco de horas em alguns casos, portanto as propostas elas vem apenas buscar atender aquilo que é de direito dos servidores”, disse o dirigente Eduardo.


    Outro ponto que será levado para a negociação com o prefeito é o fim da complementação salarial ao servidores que recebem como rendimento mensal o Piso Nacional, pagando devidamente como vencimento o estrito valor do piso. “Foi uma assembleia que a categoria não definiu nada de mirabolante, que possa extrapolar o direito líquido e certo do servidor que é bom prestador do seu serviço. Agora aguardamos que o prefeito nos atenda o mais breve possível, para que possamos encaminhar e resolver essas questões”, disse o dirigente Eduardo.

     

    Comissão
    Para acompanhar a negociação do Sintram com o Executivo foram eleitos os seguintes servidores: Maria José Anunciação, Juliano da Silva, Jucemar Lobato e Marcelo Vitor.

     

Nossos endereços
  • Sede
  • Av. Getúlio Vargas, 21, Centro, Divinópolis - MG
    CEP: 35.500-024
    Telefone: (37) 3216-8484
    Atendimento de 8h às 17h30
  • Subsede Bambuí
  • Rua Olívio Alves Ribeiro, 134, Centro, Bambuí - MG
    CEP: 38.900-000
    Telefone: (37)3431-3486
    Atendimento de 8h às 17h30
 
  • Subsede Bom Despacho
  • Rua Vigário Nicolau, 111, sala 106, Centro, Bom Despacho - MG
    CEP: 35.600-000
    Telefone: (37) 3521-3311 | 98831-0237
    Atendimento de 08h30 às 10h30 e de 12h às 18h
Filiada à
Desenvolvido por Fesempre